“As coisas que não devem ser feitas não devem sequer ser pensadas”.

“O desvio deliberado dos princípios chama-se mal. Os desvios inadvertidos dos princípios chamam-se erros.”

“Pensar tem o sentido de penetrar, aprender tem a função de confirmar. Quando se utiliza o pensar e o aprender, qual a senda que não será alcançada?”

“Tendo estudado, pense; tendo pensado, estude. (…) O conhecimento dos estudantes é limitado, enquanto que não há limites para os princípios do mundo. Portanto, quando algo é conhecido, inevitavelmente há algo desconhecido. Quando você passa a conhecer o desconhecido, então há outra coisa desconhecida.”

– do livro Meditação Taosta, compilado por Thomas Cleary

Deixe uma resposta